Polícia Civil prende suspeito de tráfico que operava na Rua Laerte Souza Costa, em Costa Rica

Durante abordagem, ele resistiu à prisão e chegou a engolir algumas porções de entorpecentes

por: Da Redação - 12/01/2019 08:40

Polícia Civil prende suspeito de tráfico que operava na Rua Laerte Souza Costa, em Costa Rica

Durante abordagem, ele resistiu à prisão e chegou a engolir algumas porções de entorpecentes

A Polícia Civil de Costa Rica prendeu em flagrante na noite de ontem, um homem de 27 anos suspeito de manter ponto de distribuição de drogas em imóvel na Rua Laerte Souza Costa. Durante abordagem, ele resistiu à prisão e chegou a engolir algumas porções de entorpecentes para tentar despistar os policiais. Ele responde por tráfico, desobediência e resistência.

Conforme boletim de ocorrência, após denúncias contra o indíviduo, os investigadores, a pedido do delegado Alexandro Mendes de Araújo, passaram a monitorar o local. Conforme relatado por moradores vizinhos, que já suportavam a situação, era constante a movimentação de usuários, o que apresentava ameaça à segurança.

Ontem, a equipe passou a observar com cuidado a residência e notou quando, por volta das 17 horas, uma mulher conhecida por ser usuária, chegou ao endereço, entrou e rapidamente foi embora. Ela foi abordada cerca de uma quadra e meia depois, confessou o vício em crack e disse ter comprado várias vezes do autor e que havia pago desta vez, R$ 20 em uma porção que havia escondido na boca.

Diante de tais informações e da suspeita de que o suposto traficante teria mais droga escondida na casa, os policiais civis foram até lá. No local, a equipe ordenou que ele encostasse as mãos na parede para uma revista, mas ele não obedeceu, sendo necessário uso de força para contê-lo. Como o indivíduo era bastante forte, ele foi algemado e preso pelas pernas.

Durante a ação, chegou a quebrar o óculos de um dos investigadores e danificou o cinto e o relógio de outro policial. Em seguida, o advogado compareceu ao local e acompanhou toda a revista. Inicialmente, na residência, não foi achado nada de ilegal, porém os agentes desconfiaram que o ato de resistência dele foi, na verdade, para que tivesse tempo de engolir a droga que estava escondida na boca.

Tanto que durante abordagem ele não abriu a boca, mas em seguida passou a conversar normalmente. Já no hospital, para exame de corpo de delito, ele começou a relatar enjoo, o que aponta que poderia ter ingerido o material. Após ser submetido a atendimento médico, o rapaz foi autuado em flagrante.

Fonte: MS Todo Dia

Fazer download da imagem




Leia também

Dúvidas ou sugestões? Nos escreva!






contato

Rua: Camapuã, 74 - Novo Sonho Meu II, Costa Rica - MS, 79550-000



NOS ACOMPANHE NAS MIDIAS SOCIAIS