Honrando a equipe de Costa Rica, Gabrielly Yane volta com 4 ouros e índices para o campeonato brasileiro de natação

A atleta completou 14 anos no mesmo dia em que ganhou o troféu de nadadora mais eficiente do Estado

por: Redação - 30/08/2021 11:03

Honrando a equipe de Costa Rica, Gabrielly Yane volta com 4 ouros e índices para o campeonato brasileiro de natação Foto: Reprodução.

A atleta completou 14 anos no mesmo dia em que ganhou o troféu de nadadora mais eficiente do Estado

Integrante da equipe de Costa Rica, a segunda melhor equipe de Mato Grosso do Sul, Gabrielly Yane Barbosa dos Santos é um dos destaques do município na natação. A atleta de apenas 14 anos conseguiu índices classificatórios para o campeonato nacional da idade dela, competindo no último final e semana no Campeonato Estadual Pantanal 2021. 

Nadando por amor desde 2017, ela começou a treinar e competir em 2019. No entanto, em 2020 precisou ficar um ano parada para tratamento médico. 

O retorno da menina é recente, em cerca de dois meses ela se esforçou o suficiente para trazer quatro ouros do Estadual para Costa Rica. No domingo, enquanto competia ela completava os 14 anos de idade. 

"Estou feliz, consegui o índice que eu queria muito e fiquei muito feliz com o resultado, mérito dos meus treinos", disse ela. Ela ainda explicou que os treinos para o brasileiro começam agora. "A gente foi para o Jogos Escolares de Mato Grosso do Sul na semana passada e agora para o Estadual, então até agora não tinha treino específico para o brasileiro. A gente vai começar semana que vem e o técnico deu uma folga para a gente, daí vamos começar na semana que vem, a partir do dia 6 de setembro", detalhou. 

De acordo com o treinador técnico de natação Anderson Viana, Gabrielly conquistou com índices classificatórios de forma exemplar. Além dos quatro ouros, a atleta conquistou um troféu importante. "Gabrielly conquistou o troféu de eficiência também, como a atleta que mais pontuou em toda a competição", disse o técnico.

A menina tem o apoio da família e principalmente da mãe, que conversou um pouco com o MS Todo Dia. Deborah Yane, mãe da atleta, disse que sempre apoia e colocou o esporte como forma de ferramenta na educação das filhas. "Ela sempre foi estimulada para que tenha isso como uma prática de rotina e o professor Bob assim que abriu as turmas já a coloquei", lembrou. 

Ela disse que a menina foi convidada cedo para os treinos e se destacou. Lembrou que os atletas "treinavam só na Studio e depois as portas foram se abrindo para treinar nas escolas, pois as piscinas são maiores". Sobre as conquistas da atleta com destaque nacional, a mãe enaltece o orgulho que sente.Débora e a irmã mais velha.

"Estou muito feliz de pode ver ela conquistando seus resultados, diante dos desafios encontrados nos treinos e na rotina que o mesmo a exige". Ela afirmou que é "tempo, dedicação e até mesmo privações de algumas coisas" para conquistar os resultados. A mãe lembrou que "até viagens e passeios Gabrielly já teve que abrir mão devido aos compromissos que precisa ter nos treinos". 

Por fim, destacou que enfim, "as premiações são apenas são consequências da determinação dos objetivos que Gabrielly busca". A mãe revelou que "desde que ela voltou a treinar, ela busca por esse índice para estar na competição do brasileiro, e conseguiu". Por isso, ela "é motivo de muito orgulho, pois assim ela percebe que quando for querer algo ela sabe que sempre vai depende dessas palavras: foco, hábito, disciplina e resultado", destacou a mãe. 

Na foto está a irmã mais velha de Gabrielly e a atleta, com traje da competição.

Fonte: MS Todo Dia

Fazer download da imagem







Leia também

Dúvidas ou sugestões? Nos escreva!






contato

NOS ACOMPANHE NAS MIDIAS SOCIAIS