Após visita de pesquisadores, Figueirão projeta se firmar como rota do turismo de arqueologia e paleontologia em MS, diz prefeito

Chefe do executivo municipal apresentou materiais encontrados no município a doutores

por: Da Redação - 21/11/2021 09:02

Após visita de pesquisadores, Figueirão projeta se firmar como rota do turismo de arqueologia e paleontologia em MS, diz prefeito Prefeito apresentando materiais encontrados em Figueirão. Foto: Divulgação

Chefe do executivo municipal apresentou materiais encontrados no município a doutores

Na manhã deste sábado (20), o prefeito de Figueirão,  Juvenal Consolaro, recebeu a visita de pesquisadores para análise de alguns materiais históricos encontrados no município. A expectativa é de que Figueirão se consolide em breve como uma das principais rotas do turismo de arqueologia e paleontologia de Mato Grosso do Sul.

O encontro ocorreu na Escola Estadual Doutor Arnaldo Estevão de Figueiredo. Participaram, além do prefeito, a diretora da escola, a professora Marcilei Bercó, o secretário municipal de Educação, Cultura, Esporte e Turismo professor Alexandre Luis Carneiro, o professor Ivo Leite Filho, da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), as professoras da UFMS Laura Roseli Pael Duarte e Lia Raquel Toledo Brambila Gasques, Deusana Maria da Costa Machado, da Unirio (Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro), e André Luis Ramos Soares, professor da UFSM (Universidade Federal de Santa Maria). 

O prefeito explicou que o objetivo foi tratar a respeito da Rota da Arte Rupestre, que passa por Figueirão, e apresentar algumas descobertas feitas por moradores, entre elas materiais que aparentam ser a dentição e a costela de animais de grande porte que viveram na região há milhares de anos. “Encontramos alguns destes materiais de arqueologia e paleontologia, e trouxemos para a escola para conversarmos com os doutores”, disse Juvenal.

Ele disse que os materiais surpreenderam os professores e que será feito um estudo mais detalhado, para apontar a origem dos mesmos. Tão importante quanto isso, explicou o prefeito, foi o fato de que os pesquisadores sinalizaram Figueirão como importante rota do turismo de arqueologia. Cabe agora ao município desenvolver ações que possibilitem a visita de mais pesquisadores e turistas interessados na área.

“Figueirão é um ponto estratégico para o turismo. Trabalhamos agora para viabilizar isso, a fim de criar oportunidades e condições para recebermos mais pesquisadores e turistas. Já venho guardando materiais como estes há mais de 40 anos, às vezes as pessoas passam por cima disso sem saber do que se trata”, pontuou ele, lembrando que os materiais foram encontrados em propriedades rurais da região. 

Por fim, Juvenal disse ao MS Todo Dia que este foi o primeiro passo de muitas novidades que vêm por aí em Figueirão. Ele ressaltou que já está pronto o projeto da Casa de Memória e deve contar com apoio da deputada estadual Mara Caseiro para obter os recursos necessários para criação do empreendimento, que além de ponto turístico, vai resgatar a memória dos fundadores e primeiros moradores de Figueirão.

 

Fonte: MS Todo Dia

Fazer download da imagem







Leia também

Dúvidas ou sugestões? Nos escreva!






contato

NOS ACOMPANHE NAS MIDIAS SOCIAIS