Bombeiros utilizaram helicóptero, drone e cão farejador na busca por idosa que desapareceu há 8 dias em MS

Segundo autoridades, Tânia corre risco de ter sido atacada por abelhas, cobras e até mesmo onça

por: Gabby Gonzalez - 17/01/2022 09:29

Bombeiros utilizaram helicóptero, drone e cão farejador na busca por idosa que desapareceu há 8 dias em MS

Segundo autoridades, Tânia corre risco de ter sido atacada por abelhas, cobras e até mesmo onça

O Corpo de Bombeiros Militar de São Gabriel do Oeste, a 137 km de Campo Grande, conta com o auxilio de helicóptero da Polícia Rodoviária Federal (PRF), drone e cão farejador na busca pela Tânia Bonamigo, de 62 anos, que desapareceu no domingo (9) enquanto fazia trilha com familiares.

No oitavo dia, no domingo (16), de procura, as buscas continuam dentro do Vale, no perímetro ao redor e também nas plantações de soja. De acordo com o major dos bombeiros, Fábio Pereira, a idosa teria desaparecido na trilha que dá acesso à cachoeira Los Pagos, local que possui penhascos de até 75 metros de altura.

“Uma equipe do CBMMS Especializada em Salvamento em altura realizou buscas em mais de 6 pontos nos paredões, alguns que chegam a possuir 75 metros de altura em relação ao solo. Porém não foi encontrado nenhum vestígio, informou ao g1.

Ainda conforme as autoridades, Tânia corre risco de ter sido atacada por abelhas, cobras e até mesmo onça, mas não foi encontrado nenhum vestígio que relacione a estas possibilidades.

“Os cães de busca e resgate certificados estão sendo utilizados todos os dias. Um trabalho muito importante realizado pelos cães é o ‘descartes de áreas’ que vem a ser um local que foi verificado e o cão não indicou ou não demonstrou interesse”, explicou o major.

Fonte: MS Todo Dia

Fazer download da imagem







Leia também

Dúvidas ou sugestões? Nos escreva!






contato

NOS ACOMPANHE NAS MIDIAS SOCIAIS