Convenção confirma: Tereza Cristina e Riedel disputam Senado e governo do MS com apoio de Bolsonaro

Sobre a disputa pelo governo, Tereza Cristina ressaltou a experiência de gestão de Eduardo Riedel

por: Redação - 05/08/2022 16:40

Convenção confirma: Tereza Cristina e Riedel disputam Senado e governo do MS com apoio de Bolsonaro Divulgação

Sobre a disputa pelo governo, Tereza Cristina ressaltou a experiência de gestão de Eduardo Riedel

Em convenção do PSDB, nesta sexta-feira (5), em Campo Grande, a deputada federal Tereza Cristina (PP/MS) anunciou o apoio do partido à candidatura de Eduardo Riedel ao governo do Estado e reafirmou o seu compromisso com o Mato Grosso do Sul. Em seu discurso, Tereza Cristina disse que quer ser “a senadora da saúde, da educação, do emprego, da liberdade, da defesa da mulher, do desenvolvimento, do municipalismo, da segurança, da cultura, do esporte, do meio ambiente, da ação social, do pequeno produtor, do agricultor familiar, do assentado e também do agro”.

Sobre a disputa pelo governo, Tereza Cristina ressaltou a experiência de gestão de Eduardo Riedel. "Nós sabemos o que tivemos de enfrentar para chegar até aqui, mas com esse time e essa coligação tenho certeza de que vamos levar esperança e a vontade de avançar, porque o nosso estado merece muito mais. O apoio do PP a Riedel se dá pelo projeto que já vem dando resultado em Mato Grosso do Sul, mas esse projeto precisa avançar, para modernizar o estado e contemplar o que eu penso ser o melhor para o nosso Mato Grosso do Sul”, explicou. 

O Progressistas indicou o atual deputado estadual Barbosinha (PP/MS) como candidato a vice- governador na chapa do PSDB, encabeçada por Eduardo Riedel. 

Emocionado, Barbosinha destacou o trabalho da ex-ministra. “O que a Tereza Cristina fez pelo Mato Grosso do Sul e pelo Brasil, levando para o mundo o Brasil que poucos conhecem, é admirável. Essa é a mulher que será a voz do Congresso Nacional, que vai fazer as pontes necessárias com a nossa bancada federal e trazer do Senado os recursos que, somados aos do estado, vão garantir a continuidade do nosso desenvolvimento”, declarou Barbosinha.  

Pela primeira vez, desde 2014, o PSDB não terá candidato próprio à presidência, mas Riedel declarou apoio à reeleição do presidente Bolsonaro, contando com a parceria da ex-ministra Tereza Cristina, candidata ao Senado por Mato Grosso do Sul. “A aliança com a nossa futura senadora Tereza Cristina consolida essa relação com a reeleição do presidente Bolsonaro e o apoio dele é muito bem vindo em Mato Grosso do Sul”, destacou Riedel. 

Questionada sobre a sua atuação no agro, a parlamentar foi firme. “Eu entendo do agro porque vim desse setor e o agro não é só plantar soja. O agro está na nossa vida 24 horas por dia e só não vê quem não quer. Se eleita, quero ser a senadora da família, da boa política, que coloca as pessoas em primeiro lugar. Quero continuar defendendo o nosso estado, agora no Senado Federal. Quero colocar toda a minha experiência e capacidade de trabalho a serviço da nossa gente", disse. 

Além do PSDB, o PL, Republicanos e o PSB também confirmaram apoio à candidatura da deputada federal Tereza Cristina (PP/MS) ao Senado nas convenções realizadas nos últimos dias.

O presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo (PSDB/PE), também prestigiou a convenção, acompanhado pelo governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, presidente estadual do PSDB, além de lideranças locais.

Fonte: Assessoria

Fazer download da imagem







Leia também

Dúvidas ou sugestões? Nos escreva!






contato

NOS ACOMPANHE NAS MIDIAS SOCIAIS