Riedel e Tereza visitam São Gabriel e Nova Andradina para ouvir trabalhadores e pequenos produtores

Dupla ressaltou a importância de um Estado forte e competitivo economicamente

por: MS Todo Dia - 27/06/2022 10:42

Riedel e Tereza visitam São Gabriel e Nova Andradina para ouvir trabalhadores e pequenos produtores

Dupla ressaltou a importância de um Estado forte e competitivo economicamente

Continuando a agenda pelo interior do Estado, o pré-candidato do PSDB ao Governo de Mato Grosso do Sul, Eduardo Riedel, foi a duas cidades neste fim de semana, acompanhado da ex-ministra e pré-candidata ao Senado pelo PP, a deputada federal Tereza Cristina. No sábado (25), foram a São Gabriel do Oeste, onde concederam entrevistas e visitaram empresas e indústrias locais, e no domingo (26) estiveram em Nova Andradina, para conversar com produtores e discutir questões ligadas à agricultura familiar. 

Em São Gabriel do Oeste Riedel conversou com os trabalhadores e ressaltou a importância de o Estado fomentar investimentos e ser atrativo para que cada vez mais empresas se instalem aqui. “Assim podemos gerar emprego de qualidade, para que as pessoas possam ganhar mais dinheiro e melhorar a economia local e de todo o Mato Grosso do Sul. Para melhorarmos a geração de emprego e renda, temos que melhorar em todas as áreas e uma educação de qualidade é essencial para isso. Quando grandes empresas vêm para cá elas pedem mão de obra qualificada e muitas vezes não encontram, essa é uma realidade que vamos mudar”, ressaltou.

A ex-ministra Tereza Cristina também comentou sobre a importância de termos um mercado atrativo para a vinda de mais empresas e disse acreditar que Riedel é capaz de fomentar essa área. “Com um Estado mais atrativo nossa economia vai melhorar muito, todos saem ganhando. Conheço o Riedel há muitos anos, sei que ele tem competência para que nos tornemos ainda melhor”, frisou.

No domingo 26, em Nova Andradina, Riedel prestigiou na plateia o evento de entrega de documentos de regularização de terras para moradores dos assentamentos Tenjin e Santa Olga pelo Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária). Essa é uma demanda antiga dos moradores, que pedem há mais de uma década que suas terras sejam regularizadas.

“Essa ação é muito importante, dá liberdade, um sentimento de pertencimento em ter a propriedade legalizada para quem tem esse direito. Soma-se a isso as ações do governo, como doação de máquinas e equipamentos, calcário, assistência técnica, e você cria competitividade e dá melhorias para as famílias que trabalham no seu espaço de chão”, conclui Riedel.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Fazer download da imagem







Leia também

Dúvidas ou sugestões? Nos escreva!






contato

NOS ACOMPANHE NAS MIDIAS SOCIAIS